01/07/2007

AVISO À NAVEGAÇÃO

De amanhã a quinze dias (dia 16 de Julho) não serei mais trabalhador do estado.
Vou partir para os privados, onde vou ter um horário fixo (coisa que no estado era impensável), auferir maiores rendimentos e, quem sabe, ter mais responsabilidades. Saio de uma situação precária para outra ligeiramente menos precária, com um contrato mais vantajoso e de maior duração.

Vou é ter que ir e vir todos os dias do deserto. Isso é mais chato, mas porra, vai valer a pena.

Mas vai custar-me sair de um sítio onde me sinto em casa. Já custa.

Quero agradecer a toda gente que me faz sentir em casa: à A., à A., à A. e à A., à S., à I. e aos chefes H. e C. e ex-orientadora F.
Muito obrigado a todas e ao chefe (único representante masculino da lista).

Ainda tenho pela frente 15 dias de muito trabalho, no entanto. Não me safo assim tão facilmente.

4 comments:

Daniela said...

Se é para mudar para melhor, muda-se!

Parabens desde já pelo novo emprego/trabalho, e que corra tudo muito muito bem.

Agora se calhar o melhor é pensares em alternativas ao carro (se é que usas!) que isto de ir de carro para fora do deserto e voltar.... UI!

(Se bem que o comboio também abusa nos preços!)

Aisling said...

Se é para melhor, ainda bem! ;)
Além disso, se vais trabalhar para o deserto, pensa que até vais ao contrário da hora de ponta das filas dos camelos! :P

wednesday said...

És um desnaturado... Vai-nos deixar! Não há direito!

Restelo said...

Quando arranjas um camelo? Quer-se dizer, se o menino comprou um Mac agora não se vai ficar por um camelozeco qualquer. De certeza que agora quererá um cavalinho branco...