14/04/2007

Eh pá, isto deixa-me chateado...

Muitas vezes, quando uma publicação ou televisão fazem uma peça sobre poluição, mostram uma imagem como:



Não devem saber os jornalistas, de certeza, que isto é água! Puro e simples vapor de água! Nuvenzinhas! Água que estava gasosa (o vapor é transparente) e que na expansão súbita à saída da chaminé condensa, formando plumas brancas (admito que esta foto é mázita, porque tem sombras). Um clássico são as torres de arrefecimento de uma central nuclear a largarem as suas nuvenzinhas de vapor de água e a passarem por poluição (e logo uma central nuclear, que nem tem emissões de gases...)

Uma emissão verdadeiramente poluente será negra ou azulada (combustões incompletas), laranja (óxidos de azoto), etc. Branco é vapor de água, tá? E se uma chaminé não tiver emissões visiveis, é sinal que está a queimar bem, mas está a largar carradas de CO2 na atmosfera. Transparente = mau = CO2! Branco = bom!

Portanto, jovem leitor, engineering tip of the day: não te deixes enganar! Aprende a cor dos teus fumos! Vota no branco!

3 comments:

D.O.P. said...

Ao ler isto lembrei-me de quando ia visitar os meus avós a Paio Pires (Seixal) e os meus tios ao Barreiro e que lindas que eram (efeito mais notável de noite)as nuvens laranja libertadas pelas chaminés da Siderurgia...

marco said...

fumo e mais fumo

Joana said...

não tenho nada a acrescentar, somente a confirmar...mt bem dito e é verdade sim senhor...gosto de ver as pessoas furiosas com as imagens de fumo branco que sai das incineradoras, etc... a dizer que é mt poluente! :P
Gostei do blog! :)